O Papa do Fim do Mundo? - Francisco e o Sinal dos Tempos

  • 195 Alunos matriculados
  • 16 Horas de duração
  • 12 Aulas
  • 1 Módulos
Parcele em 12x R$ 19,79 (ou R$ 197,00 à vista) OU
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
ASSINE JÁ

Obtenha acesso a este e outros cursos

As luzes da escola tomista continuam a ser — mais de sete séculos após a morte de Santo Tomás de Aquino — fonte inexaurível para as mais diversas ciências.
Sidney Silveira

O PAPA DO FIM DO MUNDO? – FRANCISCO E O SINAL DOS TEMPOS

(Curso de 16 horas)

Neste curso, os alunos terão acesso a reflexões teológicas com base no Magistério da Igreja, no Código de Direito Canônico, na História da Igreja e na doutrina do "Doctor Communis", Santo Tomás de Aquino, acerca dos dias que antecederão à manifestação do Anticristo. 

O propósito é trazer uma visão eminentemente teológica para os acontecimentos contemporâneos na Igreja e no mundo, tomando por pressuposto o fato de que Deus é o protagonista oculto da história, cujos "corsi" e "ricorsi", como chamava Giambattista Vico às teias do devir histórico — tecidas com avanços e retrocessos, fluxos e refluxos —, são a expressão dos desígnios da Divina Providência, à qual absolutamente nada escapa.

 A premissa de fé que serve de pano de fundo destas aulas é de teologia bíblica elementar: haverá uma grande apostasia prévia à manifestação do chamado "homem ímpio", o qual terá um precursor a sedimentar-lhe o caminho tirânico, nos planos material e espiritual. À luz disso, e em se tratando de matéria opinável para o católico, vale dizer que muitos autores ao longo da história deram o seu parecer a respeito deste tema – o próprio Tomás de Aquino o faz, em seu “Comentário a Tessalonicenses”.

Mais do que dar respostas definitivas, o intuito destas aulas é aprofundar indagações lícitas neste momento de:

a) Grande confusão política entre os povos; 

b) Esfacelamento das identidades nacionais em favor de um governo global cada vez mais perceptível; e 

c) Escândalos morais, doutrinais e pastorais na Igreja Católica.


A atuação do Papa Francisco e alguns acontecimentos que a tem acompanhado, ao modo de símbolos, serão contemplados duma perspectiva teológica na qual estão implicadas a natureza da Igreja e o seu papel no mundo, assim como o caráter de um Magistério que, desde sempre, manteve inequívoca unidade de princípios e de fins, pelo menos até o último quartel do século XX.

O curso não se destina aos pessimistas. Nem àqueles a quem a Sagrada Escritura chama "mornos", cujo infeliz destino é serem vomitados da boca do Messias. Ele visa aos que buscam enxergar realisticamente o mundo e, sobretudo, aos otimistas que, em todos os processos revolucionários — políticos ou religiosos —, acabam por servir à marcha inexorável da corrupção, quando esta chega a um ponto de tangência sem volta.


BASE BIBLIOGRÁFICA:

"A Candeia Debaixo do Alqueire", Pe. Álvaro Calderón.

"Histoire Universelle de l'Église Catholique", René Francois Rohrbacher.

"Historia de la Iglesia Católica", Llorca - Villoslada - Laboa.

"Do Liberalismo à Apostasia", Mons. Marcel Lefevbre.

"Código de Direito Canônico" (tanto o de 1913 quanto o de 1983).

"Poder Global e Religião Universal", Juan Claudio Sanahuja.

"Dictionnaire de Théologie Catholique" (Letouzey et Ané).

"Scriptum super Sententiis", Santo Tomás.

Super I Epistolam B. Pauli ad Thessalonicenses lectura", Santo Tomás. 

Super II Epistolam B. Pauli ad Thessalonicenses lectura", Santo Tomás.

"Summa Theologiae", Santo Tomás.

"O Concílio Vaticano II - Uma História Nunca Escrita", Roberto de Mattei.

"Apologia da Tradição", Roberto de Mattei.

2 anos Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 2 anos após a matrícula.
Nenhuma descrição cadastrada.
Sidney Silveira
"As luzes da escola tomista continuam a ser — mais de sete séculos após a morte de Santo Tomás de Aquino — fonte inexaurível para as mais diversas ciências."


Sidney Silveira atualmente coordena duas coleções de filosofia e teologia: a Coleção Medievalia, da Editora É Realizações, e a Coleção Escolástica, da Editora Concreta. Foi também editor da Sétimo Selo, cujo projeto era o de publicar clássicos do Medievo – sobretudo obras do principal autor do período, Santo Tomás de Aquino.

Mantém há oito anos blog Contra Impugnantes.


Conteúdo Programático

  • 1. Considerações sobre a virtude católica da obediência
  • 2. Obediência, antes de tudo, à verdade
  • 3. Desobediência e ignorância
  • 4. Pecado Original, Pecado Atual e Magistério da Igreja
  • 5. O que é “profecia”?
  • 6. A profecia de São Malaquias (I)
  • 7. A profecia de São Malaquias (II)
  • 8. Otimismo e imprudência
  • 9. A esperança ante o bem e o desespero ante o mal
  • 10. Liberticídio liberal
  • 11. Liberalismo liberticida
  • 12. Da desespiritualização da política à politização do espírito
Voltar ao topo